Yara de Paula Picchetti é psicóloga pela USP (Universidade de São Paulo) e Mestra em Educação pela UFRGS (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). Tem experiência em Psicoterapia, Psicologia Escolar e Educacional e Defesa de direitos. Atualmente oferece atendimento presencial em Novo Hamburgo e online para qualquer região do país.

CRP 07/23642

 
Yara psi_edited.jpg
 

Atendimento para crianças e adolescentes

Emoções

Reconhecer emoções e as sensações, pensamentos e comportamentos associados

Autoconceito

Desenvolver segurança e senso de capacidade para explorar suas habilidades, permitindo-se experimentar novos desafios

Relacionamento

Promover expressividade, com interações e diálogos saudáveis

Participação da família

Um importante fator para o desenvolvimento infantil são as interações que a criança estabelece com as pessoas e o mundo à sua volta. Por isso, são oferecidas sessões de orientação parental em paralelo  ao atendimento da criança. Visando o  desenvolvimento emocional, são abordadas questões relativas à afetividade, comunicação e regras de convivência. A participação dos adultos responsáveis no atendimento visa aprimorar a qualidade das relações, tornando o ambiente familiar significativo para o aprendizado de habilidades sociais como assertividade e empatia e o desenvolvimento de autonomia.

 

Atendimento para adultos

A psicoterapia é o trabalho conduzido pela profissional da psicologia em conjunto com a/o paciente. Em geral, esse processo centra-se no autoconhecimento e em encontrar maneiras de lidar com o sofrimento ou dificuldades psíquicas. O principal instrumento de trabalho é a própria pessoa, que através da comunicação com a profissional busca caminhos de reflexão e investigação de si mesma e das relações que estabelece com os ambientes e pessoas a sua volta. O cuidado com a saúde mental e a promoção de bem-estar psíquico são prioridades. Pode ser realizado na modalidade presencial ou online.

Espreguiçadeira Amarela
 
 

Psicoterapia online

Trabalhando no chão

Esse tipo de atendimento é reconhecido pelo Conselho Federal de Psicologia e para realizá-lo a profissional necessita de uma autorização específica. Assim como em outros atendimentos psicológicos, a conduta da profissional deve se dar de acordo com o Código de Ética do Psicólogo, resguardando a confidencialidade dos atendimentos.

É realizado através de vídeochamada em dia e horário previamente combinado.